terça-feira, 12 de julho de 2011

Por que Comigo?

Olá a todos!

Não aguento mais! Eu acredito que vou ficar 'louca de tanta dor'!

O que eu disse anteriormente não demorou muito para se concretizar... Lembram que eu escrevi que me doía muito ver meu ex com a namorada dele? E que eu ia deixá-lo no meu mundo virtual? Pois bem não consigo.

Não tem forma de ser amiga de ex namorado, principalmente quando se ainda gosta do infeliz e se tem recordações muitas vezes vivas dele! Não tenho mais forças para isso!

Cansei, vi as atualizações dele no MSN, e quer acreditar ou não fiquei machucada! Quer disser me sinto péssima quando isso acontece, fumei como se tivesse indo para 'el paredón' de Fidel Castro, liguei para Katita que tentou me dar um "Help", chorei tudo que podia e ainda sim estou mal.

Parece que ele é como se fosse um veneno em minhas veias. Um "Mal Veneno"!

Depois de uma garrafa de vinho inteira (pois é 750ml de álcool com uva fermentada!) e cinco cigarros bem vagabundos... Tomei a decisão certa e irrevogável de cortar o ''mal pela raiz'' como se diz por ai.

Estou dando um basta nisso tudo, nesse veneno e na minha dor... Não vou me matar, longe disso. Mais vou agora em definitivo excluí-lo não somente do meu Facebook e do meu MSN mais da minha vida também!

Parece que ele não sabe o tanto que gosto dele! Tem uma letra do Skank, acredito que é Tanto o nome da música. Que tem uma frase assim: "Tanto, Tanto queria que você soubesse que te quero tanto... Se ao menos você soubesse!" Se ele sabe ou não agora quem não quer nem saber sou eu!

Tanto (Skank)

Coveiros gemem tristes ais
E realejos ancestrais juram que
Eu não devia mais querer você
Os sinos e os clarins rachados
Zombando tão desafinados
Querem,eu sei,mas é pecado
Eu te perder

É tanto,é tanto
Se ao menos você soubesse
Te quero tanto

Políticos embriagados
Dançando em guetos arruinados
E os profetas desacordados
A te ouvir
Eu sei que eles vem tomar meu
Drinque em meu copo a trincar
E me pedir pra te deixar partir

É tanto,é tanto
Se ao menos você soubesse
Te quero tanto

Todos meus pais querem me dar
Amor que há tempos não está lá
E suas filhas vão me deixar
Por isso não me preocupar
Eu voltei pra minha sina
Contei pra uma menina
Meu medo só termina estando ali
Ela é suave assim
E sabe quase tudo de mim
Ela sabe onde eu
Queria estar enfim

É tanto, é tanto
Se ao menos você soubesse
Te quero tanto

Mas seu dândi vai
De paletó chinês
Falou comigo mais de uma vez
Não, eu sei, não fui muito cortês
Com ele,não
Isso, porque ele mentiu, porque
Te ganhou e partiu
Porque o tempo consentiu
Ou se não porque

É tanto, é tanto
Se ao menos você soubesse
Te quero tanto
É tanto
Se ao menos você soubesse
Te quero tanto

(Letra original: I Want You, compositor Bob Dylan/ Versão: Chico Amaral)

Já chega, fiz o que pude, tentei e fui até o meu limite, mais não dá mais, que se foda! Pedi ele de volta para mim, sofri (sofro) com sua falta. Me sinto culpada de ter sido eu que dei o fim em minha relação com ele. Isso me arrebenta por dentro, mais e daí, não é com ele mesmo! Não doí nele.

Mais ser estúpida ao ponto de minhas lembranças com ele me machucarem, NÃO!
MESMO QUE AINDA ISSO TUDO FOSSE EM MINHAS RELAÇÕES PESSOAIS (nem que elas sejam virtuais). Lembrar e gostar dele depois de tanto tempo para mim já não é mais a escolha certa!

Sabe aquele sentimento de ''autopreservação" ou o "institnto de sobrevivência"? Então estou sentindo isso tudo... É se como se eu tivesse gritando e ninguém me ouvisse! Agora é a minha vez. Não quero mais nada que me faça lembrar dele, quero me livrar desse "mal" que me machuca. Afinal em uma relação sadomasoquista eu adoro ser a ''dominante", dar as ordens e comandar, porque agora eu tenho que me colocar em posição tão passiva nesse caso? Não nasci para ser 'masoquista'!

E apartir de hoje, dia: 11/07/2011 ás 23h21 minutos eu digo para o mundo o inteiro:
Eu Quero Que se Dane!

Não estou mais nem ai com tudo isso! Por que eu sou maior e melhor do que tudo isso que está me acontecendo. E como diz a música da Pitty: "Um dia essa abstinência vai passar".

E deixo vocês com a letra dessa música da Pitty quem sabe seja uma boa reflexão para algum problema amoroso de alguém que está lendo isso nesse momento.

As partes assinaladas são as que mais se remetem ao meu sentimento atual!

Na Sua Estante (Pitty)
Te vejo errando e isso não é pecado... Exceto quando faz outra pessoa sangrar,
Te vejo sonhando e isso dá medo,
Perdido num mundo que não dá pra entrar
Você está saindo da minha vida
E parece que vai demorar

Se não souber voltar, ao menos mande notícias
Você acha que eu sou louca
Mas tudo vai se encaixar

Tô aproveitando cada segundo
Antes que isso aqui vire uma tragédia

E não adianta nem me procurar
Em outros timbres, outros risos
Eu estava aqui o tempo todo
Só você não viu
E não adianta nem me procurar
Em outros timbres, outros risos
Eu estava aqui o tempo todo
Só você não viu

Você tá sempre indo e vindo, tudo bem
Dessa vez eu já vesti minha armadura
E mesmo que nada funcione
Eu estarei de pé, de queixo erguido

Depois você me vê vermelha e acha graça
Mas eu não ficaria bem na sua estante

Tô aproveitando cada segundo
Antes que isso aqui vire uma tragédia

E não adianta nem me procurar
Em outros timbres, outros risos
Eu estava aqui o tempo todo
Só você não viu

E não adianta nem me procurar
Em outros timbres, outros risos
Eu estava aqui o tempo todo
Só você não viu

Só por hoje não quero mais te ver, só por hoje não vou tomar minha dose de você
Cansei de chorar feridas que não se fecham, não se curam
E essa abstinência uma hora vai passar


Beijos e todo meu Amor a Vocês!

Vanessa Sanches

 
 
 
 

Um comentário:

  1. O tempo é o remédio para se esquecer um grande amor, beijos Vanessa.

    ResponderExcluir